14/03/2020 às 13h00min - Atualizada em 14/03/2020 às 13h00min

Educação divulga ações para prevenir transmissão do coronavírus nas escolas de Goiás

Documento foi expedido pelo Ministério da Educação e inclui medidas para prevenir a transmissão do vírus

 

 

O Governo Federal, por meio do Ministério da Educação (MEC), expediu uma série de recomendações às escolas visando a prevenção do novo Coronavírus (Covid-19). A medida foi tomada após a Organização Mundial de Saúde (OMS) decretar a pandemia da doença.

 

No documento, são apresentadas diversas ações para prevenir a transmissão do vírus nas redes de ensino básico. De acordo com o MEC, as recomendações são “fundamentais, tendo em vista que as escolas são ambientes fechados, com grande número de pessoas e com realização frequente de atividades coletivas”, assinala o ofício.

 

Dentre as recomendações, estão:

 

– Promover atividades educativas sobre a higiene das mãos e etiqueta respiratória (medidas comportamentais ao tossir ou espirrar);

 

– Estimular a higienização das mãos com água e sabonete líquido e/ou preparações alcoólicas, disponibilizando, conforme as possibilidades, lavatório/pia com dispensador de sabonete líquido, suporte com papel toalha, lixeira com tampa com acionamento por pedal e dispensadores com álcool em gel em pontos de maior circulação (recepção, corredores e refeitório);

 

– Estimular o uso de recipientes individuais para consumo de água, evitando o contato direto da boca com as torneiras dos bebedouros;

 

– Manter os ambientes arejados por ventilação natural (portas e janelas abertas);

 

– Estimular o uso de lenços de papel, bem como seu descarte adequado;

 

– Evitar atividades que envolvam grandes aglomerações em ambientes fechados durante o período de circulação dos agentes causadores de síndromes gripais, como o novo Coronavírus (COVID-19);

 

– Manter a atenção para indivíduos (docentes, discentes e demais profissionais) que apresentem febre e sintomas respiratórios (tosse, coriza etc.). Orientar a procura por atendimento em serviço de saúde e, conforme a recomendação médica, manter afastamento das atividades.

 

As recomendações foram repassadas às escolas, que devem adotar as medidas a partir desta quinta-feira, dia 12. Em acordo com o determinado pelo MEC, a Secretaria de Estado da Educação de Goiás (Seduc) está adquirindo dispensadores de álcool em gel e lotes do produto para distribuição na rede estadual de ensino.

 

Ontem à tarde, durante capacitação do Programa Nacional do Livro Didático (PNLD) na sede da Seduc, a secretária de Estado da Educação, Fátima Gavioli, reforçou a importância da adoção de medidas preventivas nas escolas. Em sua fala, a secretária pediu que os coordenadores regionais e demais profissionais da Educação orientem os alunos a fazerem a correta higiene das mãos e antebraços, além do uso do álcool em gel.

 

Coronavírus

 

“O novo coronavírus (Covid-19) é um agente relacionado a infecções respiratórias, que podem apresentar-se com um quadro semelhante às demais síndromes gripais”, declara o documento expedido pelo MEC. A transmissão, pelo que se sabe, ocorre pela entrada do vírus no trato respiratório, pelo contato direto ou indireto com gotículas de secreções (muco nasal, por exemplo), emitidas pela tosse ou espirro.

 

Até o momento, existem no Brasil 52 casos confirmados de coronavírus e 907 suspeitos. Em Goiás, ainda não foram confirmados casos da doença.

 

Informações: Comunicação Setorial da Secretaria de Estado da Educação de Goiás/Ministérios da Educação e da Saúde
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »