09/05/2020 às 07h27min - Atualizada em 09/05/2020 às 07h27min

PMDF é chamada para acabar com festa que furou quarentena e encontra armas

Militares descobriram verdadeiro arsenal em local ermo no Incra 9 da cidade, em plena pandemia do novo coronavírus

METRÓPOLES
Em plena pandemia do novo coronavírus, com medidas de isolamento social para evitar a propagação da doença, uma festa reuniu cerca de 50 pessoas no Incra 9 de Ceilândia. A Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) interviu e encontrou um verdadeiro arsenal no lugar.
 

Dois suspeitos foram presos por porte ilegal de arma de fogo no Setor Alexandre Gusmão, por volta das 17h30 de quinta-feira (07/05). PMs faziam patrulhamento em Samambaia quando receberam a denúncia da reunião em um comércio de bebidas e alimentação no Incra 9 de Ceilândia, em área bastante erma.

 
6

Eles receberam a informação de que havia pessoas armadas no local. Então, uma equipe do Comando de Missões Especiais (CME) foi enviada e confirmou as informações. Grupo da CME, da Patamo e do Batalhão Motopatrulhamento Tático (BMT) seguiram até o comércio.

Um dos suspeitos percebeu a chegada dos policiais e correu para os fundos do estabelecimento, mas dois militares o pararam. Ele estava com uma pistola Glock 25 cal. 380, com um carregador.

Logo, todos os presentes na festa foram abordados. Os policiais começaram a fazer a busca nos veículos estacionados na área e encontraram mais armas.

Em uma Toyota Hilux, havia uma pistola marca Taurus 938 cal. 380, uma caixa com 153 munições intactas, 78 deflagradas, três carregadores e um coldre. Em em Hyundai i30, foi encontrada uma pistola Taurus 838 cal.380, 16 munições de cal. 380, 141 munições de cal. 22, dois carregadores e um coldre.

 

Não parou por aí: a equipe da Patamo parou um Fiat Strada que circulava pela área. Dentro do veículo, os militares acharam uma pistola Taurus Millenium cal. 380, nove munições, um carregador e R$ 1.200 em espécie.

Ao todo, os PMs levaram seis suspeitos para a 24ª Delegacia de Polícia (Ceilândia). Dois suspeitos acabaram presos em flagrante, enquanto as outras quatro aguardarão as investigações em liberdade.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Oportunidade_de_emprego