29/05/2020 às 08h01min - Atualizada em 29/05/2020 às 08h01min

Ibaneis deixa UTI após ter intestino perfurado por osso de galinha

O governador do Distrito Federal passou por cirurgia de emergência após sentir fortes dores abdominais

O governador Ibaneis Rocha (MDB) deixou a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) nesta quinta-feira (28/05) e foi transferido para um quarto do Hospital DF Star. O emedebista se recupera de uma cirurgia de emergência.
 

Na segunda-feira (25/05), Ibaneis sentiu dores intensas na lateral direita do abdômen e procurou a unidade, na 914 Sul. O titular do Buriti foi submetido ao procedimento para identificar e corrigir perfuração no intestino, causada por um osso de galinha, segundo os médicos.

Havia dúvida sobre o que provocou o problema, uma vez que o governador havia comido tilápia e frango. Pelas características do osso, que media 3cm e era pouco mais rígido, os médicos concluíram que era frango.

Segundo a equipe médica, o quadro clínico do governador apresentou melhora importante. O emedebista já caminha pelos corredores do hospital da Asa Sul desde esta quarta-feira (27/05). O corpo estranho responsável pela perfuração foi completamente retirado.

Ibaneis também está fazendo fisioterapia. De acordo com a equipe médica, a recuperação está cada vez melhor. Porém, ainda não há previsão de alta. Exames clínicos não mostram nenhum sinal de complicação cirúrgica. Já foi feita a progressão da dieta e o paciente aceitou bastante bem. Segundo os médicos, as primeiras 48 horas foram vencidas.

Na quarta, um dia depois da cirurgia, o governador começou a receber dieta pastosa e oral. As chances de uma infecção abdominal são baixas, segundo os especialistas.

1

Ainda de acordo com a equipe que acompanha a evolução de Ibaneis, ele será avaliado dia a dia.

Em entrevista ao Metrópoles, o médico endocrinologista Flávio Cadegiani, doutor em endocrinologia clínica pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), declarou que o quadro do governador não pode ser classificado como comum.

Isso porque as perfurações ocorrem, com mais frequência, no esôfago e estômago. A equipe médica decidiu tratar o quadro do governador com uma cirurgia conhecida como videolaparoscopia.

O procedimento foi realizado no intestino delgado. A equipe médica que atendeu o emedebista descartou relações com a bariátrica pela qual Ibaneis Rocha passou há alguns anos.

Na operação, encontraram o fragmento de cartilagem que causou a perfuração.

Veja como foi o procedimento para tratamento do governador:

1

Velocidade no tratamento

Segundo a equipe médica, a velocidade no socorro de Ibaneis foi fundamental para a saúde do governador. A demora poderia agravar o quadro. Quanto mais precoce o diagnóstico e o tratamento, mais rápida é a evolução positiva do paciente.

Para os especialistas, o episódio ressalta a importância da mastigação correta dos alimentos.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »