29/07/2020 às 08h34min - Atualizada em 29/07/2020 às 08h34min

Krambeck preso suspeito de tráfico ambiental

Pedro Henrique Krambeck, estudante de medicina veterinária que foi picado por uma cobra naja no dia 7 de julho, foi preso nas primeiras horas da manhã desta quarta, 29.

A prisão, de caráter temporário, foi motivada por suspeita de Pedro Henrique  integrar um esquema para a prática de crimes ambientais. Ele deve permanecer preso por cinco dias.

A prisão temporária tem prazo de cinco dias e faz parte da quarta fase da Operação Snake. Na terceira fase, o amigo de Pedro que teria ocultado cobras, Gabriel Ribeiro de Moura, também foi preso temporariamente.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Oportunidade_de_emprego