06/04/2017 às 15h03min - Atualizada em 06/04/2017 às 15h03min

Secretário de Turismo de Brasília apoia a transformação da Embratur em agência

Durante a reunião do Fornatur, realizada na WTM, representantes dos governos estaduais entregam manifesto de apoio ao presidente do Instituto

Fonte: Embratur

 

Brasília, 6 de abril de 2017 – Os secretários estaduais de turismo estão apoiando de forma incisiva a transformação da Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo) em uma agência nos moldes da APEX-Brasil ou do Sebrae. Reunidos para uma sessão ordinária do Fornatur (Fórum Nacional dos Secretários e Dirigentes Estaduais de Turismo), nesta quarta-feira (5), em São Paulo (SP), durante a WTM Latin America, os secretários que integram o fórum lançaram um documento.

 

No "manifesto em favor do turismo brasileiro", eles defendem o novo formato do Instituto e protestam contra o corte anunciado pelo governo no orçamento do Ministério do Turismo, da ordem de 68%. “O Brasil precisa tomar uma atitude pelo Turismo, e o início desse processo tem que ser a criação de uma agência moderna, alinhada com as novas tecnologias e com recursos financeiros condizentes de uma atividade que representa em muitos países 15% do PIB”, avalia o secretário de Turismo, Jaime Recena.

 

Um trecho do documento, referendado por todos os secretários presentes, os responsáveis pelas políticas de turismo em seus estados, destaca: "apoiamos, ainda, de forma veemente, a transformação da Embratur em serviço social autônomo. Uma agência nos moldes da APEX, com agilidade para movimentar recursos no sentido de promover o Brasil a ponto de elevar o patamar atual do fluxo de turistas estrangeiros".

 

Para o presidente da entidade, Vinícius Lummertz, somente uma Embratur moderna, funcionando como agência, será possível estabelecer parcerias com a iniciativa privada e o Brasil sairá do atual patamar de 6 milhões de turistas internacionais e U$ 6,9 bilhões de recursos arrecadados. “Com esse fluxo, alcançaremos a meta de 12 milhões de turistas até 2022, com uma arrecadação de U$ 19 bilhões até lá”, disse Vinicius Lummertz.

 

 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Oportunidade_de_emprego