07/11/2020 às 05h28min - Atualizada em 07/11/2020 às 05h28min

Biden vira na Pensilvânia e fica mais perto de ganhar eleições nos EUA

Com 20 delegados, colégio eleitoral da Pensilvânia pode sacramentar a vitória do candidato do Partido Democrata

Com 95% dos votos apurados até a manhã desta sexta-feira (6/11), o Estado da Pensilvânia viu o candidato pelo Partido Democrata, Joe Biden, virar sobre Donald Trump. Até às 11h, o republicano e atual presidente dos Estados Unidos liderava a disputa no colégio eleitoral.

Trump chegou a liderar por 18,2 mil votos de diferença, mas viu a vantagem cair e Biden passar na disputa. A virada era prevista nas projeções do New York Times.

Segundo o jornal norte-americano, os votos restantes tendem a ir para o democrata, uma vez que são contabilizados, neste momento, os eleitores que anteciparam os votos pelos correios. A modalidade foi a escolhida entre a maioria dos apoiadores de Joe Biden.

A Pensilvânia é um dos estados mais importantes ainda em apuração. Isso porque o colégio eleitoral possui 20 votos, que pode definir as eleições nas próximas horas.

Em caso de vitória do democrata, Biden somaria 273 dos 270 delegados necessários e se tornaria o 46º presidente dos Estados Unidos.

Em função do elevado número de votantes por correios, a apuração caminha a passos lentos no estado. Como se não bastasse, sob alegações de supostas fraudes na modalidade e de que foi impedida de acompanhar a apuração, a equipe de campanha de Trump pediu a suspensão da contagem de votos no local.

Além da Pensilvânia, segue indefinida a situação na Carolina do Norte, Geórgia, Arizona, Nevada e Alaska.
 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »