21/04/2017 às 06h14min - Atualizada em 21/04/2017 às 06h14min

Léo Pinheiro afirma que falou com Lula sobre destruição de provas

O encontro teria ocorrido em 2014. De maneira sigilosa, eles discutiram como destruiriam provas para escapar da Lava Jato.

Metrópoles

O ex-presidente da OAS, Léo Pinheiro, prestou depoimento ao juiz Sérgio Moro nesta quinta-feira (20/4). Pinheiro revelou ao juiz que o ex-presidente Lula teria discutido com ele formas de destruir provas contra os dois na Lava Jato. As informações são da Veja.

 

“Lula me orientou a destruir documentos durante a Lava Jato”, disse Léo Pinheiro a Sergio Moro.

 

De acordo com o depoimento, o encontro foi em 2014. De maneira discreta e sigilosa os dois teriam se encontrado e discutido como fariam a destruição de evidências, quando a Operação Lava Jato ainda começava a vasculhar o propinoduto do Petrolão.

O empreiteiro também deu detalhes de dois casos emblemáticos que envolvem o ex-presidente Lula. As obras no sítio de Atibaia e os negócios envolvendo o tríplex do Guarujá, que Lula nega ser dele.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Oportunidade_de_emprego