21/04/2021 às 07h48min - Atualizada em 21/04/2021 às 07h48min

Homem é preso por incentivar famílias a invadir terras no DF

O suspeito era investigado havia um mês por tentar tomar posse de uma chácara localizada na Colônia Agrícola 26 de Setembro

Equipes da 38ª Delegacia de Polícia (Vicente Pires) prenderam em flagrante um homem de 26 anos por parcelamento irregular do solo e por prometer frações de terras para famílias que invadissem um terreno que pertencia a outra pessoa. O suspeito era investigado havia um mês por tentar tomar posse de uma chácara localizada na Colônia Agrícola 26 de Setembro.

De acordo com a apuração, o acusado teria invadido local, após o caseiro do proprietário anterior ter sido ameaçado por um grupo de pessoas e abandonado o local. Após o invasor passar alguns dias no lote, a antiga dona retomou a posse do imóvel e, desde então, o suspeito tentava retornar ao local.

Após ser impedido por policiais militares de retomar a posse do imóvel, o autor, afirmando ser o verdadeiro dono da chácara, contratou várias famílias para permanecer no lote, tendo prometido para elas uma fração do terreno, caso conseguisse assumir a posse.

Policiais civis foram ao local e verificaram que havia mais de 20 invasores no imóvel, entre crianças, adolescentes e adultos. “Todos foram conduzidos para a delegacia, tendo informado que estavam no local para ajudar o autor a manter a posse do terreno, em razão da promessa de receberem uma fração do imóvel”, detalhou o delegado João de Ataliba.
 Na delegacia, o autor confessou ter feito a promessa aos invasores e acabou autuado pela prática de crime contra a administração pública, previsto na lei de parcelamento de solo, cuja pena é de 1 a 4 anos de prisão.

Foi arbitrada ao acusado a fiança de R$ 5 mil, que não foi recolhida, motivo pelo qual ele foi encaminhado à carceragem do Departamento de Polícia Especializada (DPE), onde ficará à disposição da justiça.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Oportunidade_de_emprego