07/08/2021 às 08h14min - Atualizada em 07/08/2021 às 08h14min

Roberto Jefferson apresenta pedido de impeachment contra Barroso

Presidente do PTB vai ao Senado contra o ministro, que, segundo ele, exerce atividade político-partidária de modo incompatível ao cargo

O presidente nacional do PTB, Roberto Jefferson, protocolou no Senado Federal, nesta sexta-feira (6/8), um pedido de impeachment do ministro Luis Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF) e presidente do Superior Tribunal Eleitoral (TSE). 
 
 
Jefferson, que foi condenado no escândalo do mensalão por por corrupção passiva e lavagem de dinheiro e hoje é aliado do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), alega que Barroso está exercendo atividade político-partidária e procedendo de modo incompatível com a honra, dignidade e decoro das suas funções.
 
“O ministro ora denunciado tem atuado e se manifestado ostensiva e intensivamente contra a adoção do voto impresso no país, utilizando-se do cargo que ocupa para descredibilizar o voto impresso, que é objeto de debate no Congresso Nacional, órgão que detém a competência para tratar da temática”, argumenta, na peça com 332 páginas.
 
 
Barroso se tornou alvo principal dos ataques do presidente Jair Bolsonaro na sua campanha pelo voto impresso, com agressões pessoais e críticas diárias. Nesta sexta, Bolsonaro xingou o magistrado de “filho da puta”, enquanto cumprimentava apoiadores em Joinville, em Santa Catarina.
 
 
Por causa das agressões, o presidente do STF, ministro Luiz Fux, cancelou, nessa quinta-feira (5/8), uma reunião marcada anteriormente entre chefes dos Poderes e criticou Bolsonaro, destacando que o “diálogo pressupõe respeito mútuo”.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Oportunidade_de_emprego