26/08/2021 às 13h06min - Atualizada em 26/08/2021 às 13h06min

Arthur Lira quer acabar com sessões remotas na Câmara em setembro

Desde o início da pandemia, os deputados federais podiam escolher se participavam das sessões de forma virtual ou presencial

O presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), avisou a líderes partidários que pretende acabar, a partir de setembro, com a possibilidade de deputados participarem das sessões plenárias de forma remota.

Desde o início da pandemia, em março de 2020, os parlamentares podiam escolher se participavam das sessões de forma presencial ou virtual, por meio de um aplicativo criado pela Casa.

Com o avanço da vacinação no Brasil, a presença física dos deputados em plenário já vem aumentando desde o início de agosto, após o retorno do recesso parlamentar de julho.

Segundo líderes partidários, mesmo com o fim do sistema remoto, a ideia é que o acesso ao plenário continue restringido aos 513 deputados e a poucos assessores. Procurado oficialmente, Lira não comentou.
 
 
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Oportunidade_de_emprego