18/11/2021 às 20h35min - Atualizada em 18/11/2021 às 20h35min

Pastor Chagas, o fiscal do povo aponta serviço mal feito em operação tapa-buraco.

Chagas vem registrando diariamente a competência da gestão “NOVO TEMPO” em jogar dinheiro pela enxurrada, até porque as ruas não têm ralo.

CSM
O morador Pastor Chagas, figura mais conhecida do município de Novo Gama depois de ser aclamado como “FISCAL DO POVO”, em relação aos desmandos e descasos, aliás, ações corriqueiras da incompetente gestão “UM NOVO TEMPO” que, pela inoperância do prefeito, vice-prefeito e praticamente toda a sua equipe, com certeza, em um curto espaço de tempo será conhecida em todo o território do Estado de Goiás como a gestão “FIM DO TEMPO”.
 
Durante o período de campanha eleitoral percorrendo as ruas do setor de chácaras nova Jerusalém, em lago azul o então candidato Mangão, (enquanto fazia inúmeras críticas à gestão de sua concorrente Sônia Chaves) arrancava os pedaços de asfalto com as mãos e, ao mesmo tempo prometia aos moradores que faria na sua gestão “UM NOVO TEMPO”, nenhum tipo de remendo, e sim, um recapeamento asfáltico em todo o setor.
 
Com praticamente 11 meses de gestão, o prefeito de Novo Gama, apelidado pelo povo de Carlinhos enganação, volta àquele setor e realiza uma operação TAPA-BURACO da pior qualidade, e que, na avaliação do Pastor Chagas, Fiscal do Povo, não passa de um serviço ridículo e mal feito pelo atual prefeito Carlinhos que prometeu asfalto de qualidade. “O que se vê é um remendo com uma massa asfáltica de R$ 1,99, que a cada chuva a enxurrada leva a metade”. “O prefeito e sua equipe andam tão às cegas, ao ponto de não perceber (ou fingem que não percebem) a revolta dos morados em ver seu dinheiro escoando aguaceiro abaixo e o asfalto saindo nas mãos e pés dos quem caminham pelas ruas”, diz o Fiscal do Povo.

 
As imagens, além de não mentirem mostram a mistura que parece mais ser PIXE E BRITA ZERO, para preencher buracos nas ruas. No entanto, o material colocado parece não receber compactação adequada, que basta fechar com ameaça de chuva para os pedações descerem rua abaixo. “O que me revolta é a forma e o desleixo de como eles fazem o tal serviço. Na beira dos meios-fios, onde não passa carro, está saindo tudo porque o asfalto não compactou nos buracos e nem vai. Está tudo esfarelando”, diz a moradora, dona Rosineide (foto).

 
Alguns moradores comentam que na realização da operação, eles não recortaram o buraco nem limpam para tirar a terra. Jogam o farelo de qualquer jeito e parece que a compactação de verdade fica a cargo dos carros que passam e amassam a camada jogada nos buracos. “Tenho certeza que na próxima chuva que der, vai sair tudo”, reclama dona Maria.
 
Legenda: Material usado para tapar buracos esfarelou na mão Fiscal do Povo.
 
Emergência
Sempre com uma desculpa esfarrapada para encobrir tanta incompetência, funcionários da prefeitura informam que os reparos "tratam-se de ações emergenciais para evitar acidentes e maiores consequências".
 
Por mais leiga que seja uma pessoa, ela tem a capacidade de discernir que para evitar acidentes, o trabalho teria que se bem feito. Essa maquiagem péssima que a prefeitura faz para enganar  e  mostrando (des)serviço é um prato cheio para causar acidentes com caros e motos, uma vez que seus condutores sequer imaginam o tamanho do buraco que está encoberto pela poça de água. Más, parece que a gestão “UM NOVO TEMPO”, pouco se importa com isso
.
 
Sempre vai haver uma desculpa esfarrapada.  Mas, está aí para todo mundo ver a maneira mais amadora  para fazer a manutenção do asfalto que logo nessas primeiras chuvas os remendos se desmancham por completo. E agora, com um construtor de barracos no comando da Secretaria Municipal e Obras, aí que você vai ver a coisa ficar preta... Acorda Prefeito. Quando é que você vai honrar o voto do povo?

 
Foram meses de críticas à gestão passada, mas, no entanto a atual gestão está sendo uma das piores de todos os tempos.  O Gestor virou piada porque está sendo apanhado pela sua própria palavra. Ou como diz uma frase preferida pela ex-gestora: “o feitiço virou contra o feiticeiro”
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »