24/06/2017 às 11h41min - Atualizada em 24/06/2017 às 11h41min

Governo Temer desaba com aprovação de apenas 7%

Notibras

A imagem do governo Michel Temer – e do próprio presidente – rola ladeira abaixo como enxurrada em dia de temporal, revelam dados do Datafolha divulgados neste sábado, 24. No melhor dos cenários, o presidente tem a aprovação de apenas 7% dos brasileiros. É o pior resultado para um ocupante do Palácio do Planalto nos últimos 20 anos. Antes de Temer, apenas José Sarney, com 5%, registrou índice tão baixo.

Segundo o Datafolha, a impopularidade de Temer aumentou desde a revelação da colaboração premiada dos donos da JBS. Uma gravação de Joesley com Temer colocou o oresidente no centro da quadrilha que comanda a corrupção no País.

A pior avaliação vem de mulheres, jovens e eleitores de renda mais baixa. O levantamento ouviu 2.771 pessoas entre quarta-feira e a sexta-feira. A margem de erro é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos. O Datafolha ainda informou que a nota do presidente caiu de 3 para 2,7 na nova pesquisa. Não souberam responder 2% dos entrevistados.

Os novos números evidenciam a queda da popularidade do presidente, que, há dois meses, somava 9% entre os entrevistados que avaliavam a gestão como ótima ou boa. No fim de abril, 61% julgavam o governo como ruim ou péssimo e 28% enxergavam uma administração regular.

A avaliação de Temer é pior que a de Dilma Rousseff às vésperas da conclusão do processo de impeachment, quando a petista seria destituída pelo Congresso. Na época, ela tinha 13% de aprovação e 63% de reprovação. A impopularidade do peemedebista é semelhante à da ex-presidente de agosto de 2015, quando Dilma amealhou 71% de avaliações de um governo ruim ou péssimo.

 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Oportunidade_de_emprego