21/01/2018 às 19h19min - Atualizada em 21/01/2018 às 19h19min

MENSAGEM À PAULO PIMENTA

Dr. Moisés Eli Magrisso - médico
 

 

Sr. Deputado

 

Sua trajetória política de quatro mandatos como deputado federal, de atuação mediana e de pouco brilho, se tornou ainda mais opaca com sua recente visita à Venezuela, pais que sofre com a administração de um ditador que utiliza subterfúgios jurídicos e sem apoio popular, para se manter eternamente no poder.

 

 

Entendo que faz parte de sua agremiação política defender ditadores, a maioria sanguinários, mas acho que o senhor não precisava se expor ao ridículo, ao lado de Maduro e de uma claque formada por beneficiários do poder, defendendo um governo que está destruindo com um país riquíssimo em petróleo, que deveria estar entre as nações mais prósperas e desenvolvidas do mundo. 

 

 

Mais ridículo ainda foi a lista de crápulas e ditadores que o senhor citou como seus heróis, entre os quais, Iasser Arafat, o explodidor de crianças em creches e escolas, responsáveis pela morte de centenas de pessoas inocentes através de atos terroristas que o senhor apoia e defende.

 

 

O senhor fala em golpe aqui no Brasil, mas cita como seu herói, Daniel Ortega, que dá um golpe no parlamento, afasta os deputados da oposição e toma todo o poder na Nicarágua, impondo um regime de partido único que mudou a constituição. dando o direito de se perpetuar no poder.

 

 

Desculpe deputado Paulo Pimenta, mas alem desses  ditadores, o senhor defende tambem a família Castro, que desde 1959 impôs uma ditadura sanguinária como direito a fuzilamentos no paredão,  e nunca permitiu a alternância de poder.  

 

Sendo assim, o senhor  não deveria falar em golpe e outras imbecilidades que falou ao lado de Maduro, envergonhando o Brasil com uma verborréia naftalínica, desatualizada, repetitiva, indigesta e sem qualidade.

 

 

Por favor, senhor deputado, nunca diga que está representando o povo brasileiro quando disser besteiras no exterior.  O povo brasileiro tem dignidade, tem amor pela verdadeira liberdade, não aceita ditadores, e não contempla regimes ditatoriais onde o poder não emana do povo e muito menos em seu nome é exercido.

 

 

Dr. Moisés Eli Magrisso  - médico

 

(51) 99941-1781

 

 

CRM RS  8708

 

end:  Rua Francisco Petuco 340/203 - Porto Alegre


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Oportunidade_de_emprego