07/12/2016 às 07h11min - Atualizada em 07/12/2016 às 07h11min

Secretaria de Saúde esconde Raio X do Hospital Regional de Brazlândia na Farmácia Central

A presidente do SindSaúde denuncia que embora haja material, eles não foram distribuídos

SINDSAÚDE DF

O SindSaúde flagrou dois aparelhos de radiografia comprados em 2013 e que até hoje não foram instalados. Um deles tinha como destino o Hospital da Asa Norte e outro o Hospital de Brazlândia. Além disso, foram encontradas inúmeras caixas de material hospitalar em desuso na Farmácia Central, como 166 autoclaves odontológicas, 200 oxímetros, 746 leitos elétricos, entre outros. Tudo isso deveria ser destinados à rede de Atenção Primária. No entanto, está sendo sucateado quando poderia estar servindo à população. (Veja nas imagens abaixo as listas de materiais estocados)

A presidente do SindSaúde denuncia que embora haja material, eles não foram distribuídos. “Quem vai responder por esses aparelhos de radiologia? Por que eles não foram para onde deveriam se tem tanta gente precisando? Queremos saber quem vai explicar esse tanto de material estocado e o porquê deles não serem distribuidos. Os chefes de setores das unidades de saúde devem fazer pressão para liberar esse tanto de material”, afirmou Marli Rodrigues.

 

A sindicalista também esteve no Hospital de Brazlândia, onde encontrou pilha de colchões novinhos em local inapropriado. Além disso, gabinetes odontológicos, com equipamento completo, incluindo banquetas e cadeiras, estão jogados ao léu, em meio à poeira e entulho. “Não sabemos qual é o projeto da Secretaria de Saúde já que esse material, segundo informações, é para a Atenção Primária e a SES quer entregar às OSs. Aí eu faço uma pergunta pro Secretário: vai entregar a casa pronta e mobiliada com dinheiro público?” dispara Marli


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Oportunidade_de_emprego