14/04/2018 às 07h14min - Atualizada em 14/04/2018 às 07h14min

APÓS ATACAR A SÍRIA, TRUMP ADVERTE RUSSOS E IRANIANOS

Notibras

O presidente dos EUA, Donald Trump, disse neste sábado, 14, que o bombardeio contra Damasco serve como ‘um alerta’ à Rússia e ao Irã sobre a escalada da violência promovida pela Síria. Ele afirmou que esses dois governos são “os maiores responsáveis ​​por apoiar, equipar e financiar o regime de Basshar al Assad”.

A ação da madrugada deste sábado foi pontual. Embora supostamente não tenha provocado maiores danos, serviu para mostrar que futuras ameaças de novas ações não ficarão apenas no papel.

“Para o Irã e para a Rússia, pergunto: que tipo de nação deseja associar-se ao assassinato em massa de homens, mulheres e crianças inocentes? As nações do mundo podem ser julgadas pelos amigos que mantêm. Nenhuma nação pode ter sucesso a longo prazo promovendo estados párias, tiranos brutais e ditadores assassinos ”, disse Trump.
 

Segundo Trump, a Rússia que foi responsável pelos ataques à Síria, expressando, porém, esperança de que, algum dia, os EUA “se darão bem com a Rússia e talvez até com o Irã”.

“Em 2013, o presidente Putin e seu governo prometeram ao mundo que garantiriam a eliminação das armas químicas da Síria. O ataque recente de Assad – e a resposta de agora – são o resultado direto do fracasso da Rússia em cumprir essa promessa ”, disse o presidente dos EUA.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »