20/10/2018 às 07h24min - Atualizada em 20/10/2018 às 07h24min

Após Haddad apagar informação falsa, Bolsonaro ataca o petista em rede social

Na postagem Bolsonaro diz que 'a mentira nunca vencerá a verdade!'

correioweb
O candidato do PSL à presidência da República, Jair Bolsonaro, publicou neste domingo (14/10), no Twitter, uma mensagem na qual ataca o seu adversário no segundo turno da eleição presidencial, Fernando Haddad (PT), em razão de uma informação falsa que foi publicada pelo petista em seu perfil e depois apagada.

"Após mentir descaradamente que votei contra os deficientes, o marmita de corrupto preso também apagou as acusações como se nada tivesse acontecido. A mentira nunca vencerá a verdade!", escreveu Bolsonaro.

O tuíte de Haddad criticava Bolsonaro por supostamente ter votado contra o Estatuto da Pessoa com Deficiência. A publicação, depois, foi apagada. Procurada, a equipe do petista disse que, na verdade, Bolsonaro se absteve da votação, e que por isso a postagem foi excluída. 

"O deputado Jair Bolsonaro votou contra o Estatuto da Pessoa com Deficiência. Acredito que ele tenha votado contra por falta de conhecimento. Ele não foi educado para compreender toda a diversidade humana e sua complexidade", era o que dizia a postagem, antes de ser apagada.

Neste domingo, Haddad também criticou a campanha de Bolsonaro por conta de notícias falsas. Em uma delas, disseminada por apoiadores do capitão reformado, Haddad aparece como dono de uma Ferrari. Haddad também criticou as falas de Bolsonaro. 

 

Elogia torturador, diz que não estupra uma deputada colega porque ela não merece... Quem tem de responder sobre passado é ele, que defendeu publicamente o extermínio de 30 mil pessoas e falou que a grande falha do regime militar foi ter torturado e não matado seus opositores. Aí reclama que levou uma facada? Só fala em morte", argumentou Haddad. 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Oportunidade_de_emprego