08/02/2019 às 13h41min - Atualizada em 08/02/2019 às 13h41min

Bancada do Brasília assina CPI do Poder Judiciário

EIXO CAPITAL.

Bancada do DF assina CPI do Poder Judiciário

Os três senadores do DF — José Antônio Reguffe (Sem partido-DF), Leila Barros (PSB) e Izalci Lucas (PSDB) — assinaram o requerimento para instalação de CPI relacionada aos tribunais superiores. A comissão tem sido chamada de CPI da Lava Toga. Reguffe foi o primeiro a assinar o requerimento apresentado pelo senador Alessandro Vieira (PPS/SE), que trata de excessos de pedidos de vista e participação em atividades fora do dia a dia da toga, entre outros temas. Izalci disse à coluna que assinou, mas “não tem compromisso com o mérito”. Ou seja, deu apoio para que a criação da CPI seja debatida. Mas não significa que esteja de acordo com a instalação. Alessandro Vieira conseguiu as assinaturas necessárias para protocolar o requerimento. Para que a comissão seja instalada, no entanto, o requerimento precisa ser lido em plenário em sessão deliberativa.

Silêncio 

O senador Izalci Lucas (PSDB/DF) acredita que as CPIs perderam a força no Congresso e a legislação precisa ser alterada para que as investigações ocorram com sucesso. Como ninguém é obrigado a produzir prova contra si, os suspeitos convocados têm optado por permanecer em silêncio.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »