31/07/2019 às 04h14min - Atualizada em 31/07/2019 às 04h14min

Janaína pede ao Senado a cabeça de Dias Toffoli

Dias Toffoli, presidente do Supremo Tribunal Federal, está com a cabeça a prêmio. O pedido de impeachment dele foi protocolado nesta terça, 30, no Senado – onde são discutidos assuntos dessa natureza -, pela deputada paulista Janaína Paschoal. Ela é do PSL, mesma legenda de Jair Bolsonaro, e esteva acompanhada por Renato Varalda, presidente do movimento Pró-Sociedade.

Na interpretação da parlamentar – co-autora da ação que tirou Dilma Rousseff do Planalto -, Toffoli não poderia tomar a decisão monocrática de suspender processos que envolvam informações compartilhadas, a exemplo da movimentação financeira acompanhada pelo Coaf.

Quando decretou a suspensão dos processos, o ministro, segundo Janaína, beneficiou o senador Flávio Bolsonaro, também do PSL de São Paulo, filho do presidente da República. Toffoli, afirma a deputada no requerimento do impeachment, contrariou decisão do próprio STF.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Oportunidade_de_emprego