20/05/2020 às 06h15min - Atualizada em 20/05/2020 às 06h15min

Bolsonaro “lamenta” que Moro tenha chegado ao “fim da carreira dessa forma”

Ex-ministro anunciou que deixaria governo durante pronunciamento à imprensa, quando também acusou o presidente de tentar interferir na PF

METRÓPOLES
O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) afirmou nesta terça-feira (19/05), durante entrevista em uma rede social, que lamenta que o ex-ministro da Justiça e Segurança Pública Sergio Moro tenha chegado ao “final da carreira”.
 

Questionado se considera o ex-ministro um “traidor”, Bolsonaro respondeu: “Olha, eu não vou polemizar nessa área. Eu lamento que o final da carreira dele tenha sido dessa forma”.

Moro deixou o governo afirmando que o chefe do Executivo teria tentado interferir na Polícia Federal. O Supremo Tribunal Federal (STF) abriu um inquérito sobre a suposta interferência do presidente na corporação.

Em depoimento à PF, o ex-ministro afirmou que um vídeo feito durante a reunião ministerial de 22 de abril comprovaria que Bolsonaro o teria pressionado por mudanças na instituição.

A pedido do relator do caso no Supremo, ministro Celso de Mello, a gravação foi entregue à Corte. O decano assistiu ao material nessa segunda-feira (18/05) e deve decidir até o fim desta semana se torna público todo o conteúdo do vídeo ou apenas os trechos que fazem referência ao inquérito.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Oportunidade_de_emprego