17/07/2020 às 08h00min - Atualizada em 17/07/2020 às 08h00min

Alckmin indiciado por corrupção e lavagem

A Polícia Federal indiciou nesta quinta, 16, o ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin por supostos crimes de lavagem de dinheiro, caixa dois eleitoral e corrupção passiva.

O indiciamento aconteceu no inquérito que investigava no âmbito eleitoral as doações da empreiteira Odebrecht. O diretor da empreiteira disse ter repassado mais de R$ 10 milhões, via caixa 2, às campanhas de Alckmin.

O ex-tesoureiro do PSDB Marcos Monteiro e o advogado Sebastião Eduardo Alves de Castro também foram indiciados. Alckmin foi governador do estado de São Paulo entre 2001 e 2006 e de 2011 a 2018 e disputou a presidência da República.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Oportunidade_de_emprego