30/01/2021 às 06h17min - Atualizada em 30/01/2021 às 06h17min

Imagens fortes: vídeo mostra corpos acumulados em hospital para Covid em RR

A presidente do Conselho Regional de Medicina (CRM), Rosa Leal, afirmou que o estado vive um colapso na saúde

Mais uma cena chocante envolvendo caos na saúde pública viralizou nesta sexta-feira (29/1). Desta vez, um vídeo mostra corpos acumulados no necrotério do Hospital Geral de Roraima (HGR), que atende exclusivamente casos de coronavírus.

Nas imagens gravadas na única unidade de todo o estado para tratar casos graves da Covid-19 é possível ver ao menos 12 corpos ensacados.

De acordo com  o presidente do sindicato das empresas funerárias de Roraima e administrador do cemitério Campo da Saudade, Anselmo Martinez,  houve um acumulo porque apenas duas funerárias estão habilitadas a transportar vítimas do coronavírus no estado.

“Uma das coisas que pode acontecer é o hospital ficar travando a liberação dos corpos. O cemitério está preparado para receber até 30 corpos simultaneamente, recebemos e vamos distribuindo ao decorrer do dia”, disse.

Já ainda de acordo com o jornal, a Sesau afirmou que as imagens não “condizem com a realidade de mortos registrados em Roraima”, porém não explicou porque os corpos estavam no necrotério, e reafirmou que foram registrados seis óbitos na quinta.

Com 73.654 casos de infectados pelo novo coronavírus e 849 mortes confirmadas pela doença, a presidente do Conselho Regional de Medicina (CRM), Rosa Leal, disse que o estado vive um colapso na saúde, porque, mesmo tendo abastecimento de oxigênio, faltam profissionais e respiradores.

“Temos que entender que estamos enfrentando neste momento um vírus que tem transmissibilidade muito maior, uma letalidade maior e que não está com preferência por grupos de risco, está contaminando pessoas jovens e saudáveis, que acabam indo a óbito”, reforçou ao G1.

 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Oportunidade_de_emprego