09/04/2018 às 17h41min - Atualizada em 09/04/2018 às 17h41min

​ MEU ADEUS A LEANDRO GUIMARÃES.

Vital Furtado
Correio de Santa Maria

 
Meu amigo, este é um dos momentos mais difíceis de nossa vida; O adeus a um amigo de verdade tal como você. Estivemos juntos cerca de 5 dias, conversando e lembrando algumas peripécias, porém, esse triste e lamentável notícia me abalou de verdade.
Em nossas brincadeiras com o Souza, eu me despedia várias vezes de você para vir pra chácara, mas Souza não me deixava ir enquanto não ouvisse todas as lorotas dele. Mas, não pude me despedir de você porque estava longe, e ainda, quem sabe se eu suportaria a despedida final, aquela que eu nunca pensei lhe viria a dizer jamais.

Hoje, sei que não apenas eu, mas, vários dos vários amigos enxugamos as lágrimas, engolimos os soluços sentindo um terrível aperto no peito, pois hoje eu compreendi que jamais voltarei a vê-lo...

Adeus, meu amigo. Comigo ficarão as lembranças, comigo ficarão os ecos do passado, comigo ficará a saudade incurável. Adeus, meu amigo... Que sua alma descanse em paz!
 
Saudades.
Vital Furtado
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Oportunidade_de_emprego