01/06/2018 às 18h03min - Atualizada em 01/06/2018 às 18h03min

​Comitê Gestor da Feira Popular de Santa Maria, faz prestação de contas aos feirantes e deixa saldo positivo em caixa

Com apenas um mês de atuação o comitê conseguiu pagar todas as dividas geradas com segurança e limpeza do local.

Correio de Santa Maria

Fotos: Correio de Santa Maria Edição nº 54 Agosto de 2008


D e acordo com Antônio Tota Rodrigues,  Coordenador de Desenvolvi mento da RA XIII, o Comitê gestor é previsto pelo Decreto 38.554 de Regularização de Feiras, que dá autonomia ao Poder Público de intervir aonde não tiver Associação formada para fazer  a administração da mesma ou então quando há uma associação inviabilizada  para executar tal administração. O Comitê é formado um representante dos Feirantes, um da Administração Regional e outro da Secretaria , ambos com a missão de  administrar a feira, promover reuniões semanais , fazer a caixa de rateio para pagar a limpeza do local, segurança, enfim; cuidar da parte administrativa.
Com apenas um mês instituído, o Comitê Gestor já obteve resultados positivos, superando a expectativa de alguma dificuldade que viesse a surgir.  Esse resultado financeiro pagou o salário da segurança, a limpeza dos banheiros, e pasmem: Ainda ficou com saldo de caixa, co m a prestação de contas para ser apresentada a todos os feirantes e comunidade.
A princípio,  45 feirantes  satisfeitos com a nova diretoria fizeram o repasse de R$ 45,00 cada um, e 20 feirantes que atuam de forma mais modesta, contribuíram com R$ 20,00 cada. Com isso, foi arrecadado R$: 1.570,00.
Desse montante, foi efetuado o pagamento da segurança no valor de R$ 1.200,00, a limpeza dos banheiros que ficou em R$: 140,00, ficando em caixa a quantia de R$ 230,00, o que é INÉDITO, já que a gestão anterior não passava do VERMELHO.
Nota-se, portanto, que, o problema da feira e dos feirantes, estava apenas na gestão, já que haviam duas administrações, porém, a categoria não reconheciam  nenhuma das duas, prova disso que, quando a administração entrou com a proposta do Comitê Gestor, cerca de 95% dos feirantes aderiram a proposta sem pensar duas vezes.
Esse impasse impedia que a feira recebesse incentivos por parte do governo. Na tentativa de buscar uma solução para que a feira viesse a receber benefícios,  Antônio Tota,  tentou  o diálogo entre as duas associação para fortalecê-las, mas a resistência por parte dos feirantes em serem representados pelas duas entidades era muito grande. Jorge Alexandre se intitulava presidente da feira e a Terezinha era presidente da outra associação. Enquanto os dois gestores ficavam na briga, ou seja, nesse litígio, os feirantes, que nada tinham a ver com esse “meme”, não se sentiam representados por nenhum deles, até porque, quando os dois buscavam o Poder Público, o poder de barganha Política falava mais alto do que o interesse dos feirantes.
Com a casa em ordem, a RA XIII apresentou a nova gestão, dois projetos, sendo um de reforma de piso e o outro de hidro-sanitário,  que serão executados pela administração e outro pela Novacap por se tratar de verba oriunda de uma emenda Federal. “Se todos os gestores tivessem feito alguma co Isa na feira durante esses 20 anos passados, a feira seria uma realidade e não essa promessa que é até hoje” disse Tota.
Outra demanda, mas, que será resolvida é a questão do “ex presidente” Jorge Alexandre ter entrado na Justiça para não desocupar a sala da administração da feira, a qual ele diz ter construído com recursos pessoais. “Buscamos a documentação da  associação do Jorge Alexandre e percebemos que é uma entidade sem diretoria e de uma pessoa só. Portanto, sem amparo legal. Conseguimos também a EDIÇÃO Nº 54 do JORNAL CORREIO DE SANTA MARIA, datada de AGOSTO DE 2008, na qual está noticiada a matéria da Inauguração dos banheiros e da sala da administração, obras conquistadas na gestão de Terezinha Brito junto ao administrador da época, José Ricardo do nasci mento. Mas, como ele mesmo deu entrada na Justiça, resolveremos Judicialmente, até porque trata-se de uma área pública”, Finaliza Antônio Tota.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »