05/06/2018 às 07h12min - Atualizada em 05/06/2018 às 07h12min

Preso suspeito de balear menina de três anos em Santa Maria

Jbr
DFTV 2ª Edição

Está preso o suspeito de balear na cabeça Sther Laís de Jesus, 3 anos, em Santa Maria. Daniel Gustavo Ferreira Lima, 19 anos, foi localizado pela Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF), na manhã desta segunda-feira (4), após denúncias anônimas. Foragido há quatro meses, ele foi localizado dentro de uma casa, na Quadra 206, duas ruas acima de onde cometeu o crime e não resistiu à prisão.

O delegado responsável pelas investigações, Gabriel Oliveira Eduardo, da 33ª Delegacia de Polícia (Santa Maria), afirmou que Daniel residia no local com sua companheira há aproximadamente uma semana. A polícia acredita que ele aguardou passar um tempo após o crime para retornar à cidade. “Durante todo este tempo recebemos diversas informações sobre o paradeiro de Daniel. Sabemos que ele se escondeu em regiões do entorno do DF e chegou a ir até a cidade de Cristalina (GO). O tempo em que ele estava na casa é justamente o mesmo em que começamos a receber novas denúncias sobre a circulação dele na área”, disse.

Na casa onde estava o suspeito, a polícia encontrou uma arma de fabricação caseira, modelo espingarda calibre.12. Daniel informou que o objeto seria utilizado para se defender de seus desafetos. Ele foi indiciado por tentativa de homicídio contra quatro pessoas e ainda vai responder pelo porte ilegal de arma. Ele foi encaminhado à carceragem da DP, onde deve aguardar a audiência de custódia a ser realizada nesta terça (5).

Negação

Em depoimento informal Daniel negou a autoria do crime contra a criança. Para o delegado o jovem disse que um primo seu menor de idade seria o responsável pelo disparo que atingiu Sther Laís.

“A gente sabe que faz parte da estratégia de defesa negar o crime. Mas não nos resta dúvidas quanto a autoria. Temos laudos periciais, constituição, depoimentos… Temos certeza”, enfatizou Gabriel.

A delegacia ainda investiga a participação da companheira de Daniel. Para a polícia é evidente que ela contribuiu com a fuga do suspeito. “Ela poderá responder por falso testemunho. Sabemos que agiu em favorecimento pessoal”, ressaltou.

O crime

Sther Laís de Jesus, 3 anos, levou um tiro na cabeça enquanto andava de bicicleta em frente a casa das tias na Quadra 206 de Santa Maria, na tarde do dia 10 de fevereiro de 2018. A menina chegou a ser levada ao Hospital Regional de Santa Maria e, posteriormente, transferida ao Hospital de Base, onde passou por cirurgia.

O autor do disparo tentou atingir os  três ocupantes do veículo Gol branco, que trafegava pela rua. O projétil acertou no lado esquerdo da cabeça da criança.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »