25/02/2017 às 06h50min - Atualizada em 25/02/2017 às 06h50min

Goleiro Bruno deixa a prisão em Santa Luzia (MG)

Bruno conseguiu a liberdade após decisão liminar do ministro do STF Marco Aurélio Mello

Matrópoles

O goleiro Bruno Fernandes, que foi condenado pelo homicídio da ex-namorada Eliza Samudio, em 2010, deixou a Associação de Proteção e Assistência aos Condenados (Apac), em Santa Luzia (MG), no fim da tarde desta sexta-feira (24/2). Bruno conseguiu a liberdade após decisão liminar do ministro do STF Marco Aurélio Mello.

 

Na saída, Bruno foi abordado por jornalistas, mas não quis responder a nenhuma pergunta. O goleiro foi recepecionado por alguns amigos e pela esposa, Ingrid Calheiros, com quem ele se casou em junho do ano passado. Em seguida, seguiu em uma SUV Hyundai ix35.

 

A decisão de Melo foi divulgada nesta manhã. Em 2015, o Superior Tribunal de Justiça (STJ) havia acatado parcialmente recurso do Ministério Público do Rio de Janeiro (MP-RJ) e ampliou a pena aplicada ao goleiro por sequestro, lesão corporal e constrangimento ilegal de Eliza, sua amante.

 

“Expeçam alvará de soltura a ser cumprido com as cautelas próprias: caso o paciente não se encontre recolhido por motivo diverso da preventiva formalizada no processo nº 079.10.035.624-9, do Juízo do Tribunal do Júri da Comarca de Contagem/MG. Advirtam-no da necessidade de permanecer na residência indicada ao Juízo, atendendo aos chamamentos judiciais, de informar eventual transferência e de adotar a postura que se aguarda do cidadão integrado à sociedade”, determinou Marco Aurélio.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Oportunidade_de_emprego