24/07/2019 às 07h04min - Atualizada em 24/07/2019 às 07h04min

Dois homens são condenados a mais de 30 anos de prisão por homicídios em Santa Maria

Segundo a denúncia, o crime foi cometido por motivo torpe, por disputa decorrente do tráfico de drogas

MPDFT.

Na última sexta-feira (19) o Ministério Público do Distrito Federal e Territórios obteve a condenação de dois homens acusados de homicídio e destruição de cadáver de Adolfo de Jesus Carvalho e Marcela Lorena do Nascimento, em Santa Maria. Washington Leandro da Silva e Robson da Cruz Silva terão de cumprir pena de 34 anos e seis meses de reclusão em regime inicialmente fechado.

 

Os jurados reconheceram as duas qualificadoras apresentadas pela Promotoria de Justiça do Tribunal do Júri de Santa Maria. Segundo a denúncia, o crime foi cometido por motivo torpe, por disputa decorrente do tráfico de drogas. Os acusados também utilizaram recurso que dificultou a defesa das vítimas, que foram surpreendidas pelo ataque.

Em 30 de agosto de 2009, os réus invadiram a residência das vítimas quando elas estavam dormindo e as executaram com tiros na cabeça. Em seguida, transportaram os corpos até um matagal localizado em área rural do Gama e destruíram os cadáveres com fogo.

Francisco Kássio Soares Braga também participou do crime. No ano passado, ele foi condenado a 45 anos e 9 meses de reclusão. No mesmo julgamento, Poli Moraes de Sousa foi condenado a 1 ano e 5 meses de detenção por tentar eliminar vestígios do local.

 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »