24/01/2020 às 20h45min - Atualizada em 24/01/2020 às 20h45min

Belinha (de Santa Maria) precisa de ajuda para continuar seu tratamento em Goiânia

SantaOnLine informa:



Após sofrer um acidente que causou a fratura do seu fêmur, a estudante Maria Isabela (Belinha), que mora na Vila dos Carroceiros, em Santa Maria/DF, hoje pede ajuda para familiares, amigos e pessoas solidárias à sua causa para custear os retornos do seu tratamento em Goiânia.

Segundo a mãe de Belinha, a senhora Nair, o acidente que sua filha sofreu aconteceu no dia 14 de dezembro, quando a menina participava de uma festa de aniversário em Marajó, bairro de Valparaíso/GO. “Durante a festa, a priminha da Belinha começou a chorar e ela foi cuidar da criança, que estava na piscina, nessa hora ela escorregou e quebrou a perna, na região do Fêmur”, explicou a mãe. Por muito pouco a fratura não foi exposta.

 

Nair relatou que logo após o acidente a menina foi encaminhada para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do bairro. Devido à gravidade da fratura, de lá ela foi encaminhada para o Hospital de Goiânia, onde foi rapidamente atendida. “Em menos de 24 horas minha filha já havia sido operada”, disse Nair. Após a estabilização da cirurgia, a família foi liberada para voltar para sua casa, na Vila dos Carroceiros, em Santa Maria/DF.

A notícia da volta para casa trouxe alívio, mas também deu início a atual preocupação da mãe de Belinha, que são os retornos para continuar o tratamento. “O tratamento dela será continuado no mesmo hospital que ela foi atendida, em Goiânia, por isso estamos pedindo ajuda, pois, apesar do ótimo atendimento, o Hospital fica muito longe da nossa casa, o que gerará um grande custo de deslocamento”, relatou Nair. A distância entre o Hospital e a casa de Belinha é de aproximadamente 180 kms.

 

AJUDA
Devido o alto custo que a família terá com o deslocamento, Nair está fazendo uma campanha para arrecadar dinheiro para custear o gasto com as consultas de retorno. “Peço a ajuda das pessoas para eu poder pagar os custos de cada viagem de retorno, que deve ficar em aproximadamente uns R$ 250,00 cada ida ao hospital, contando os gastos com o combustível e a alimentação”, explicou.

As pessoas podem ajudar de diversas formas, mas a principal é através da doação de qualquer valor, que pode ser depositado diretamente na conta a seguir (Caixa Econômica / Ag 4461 / Conta 00006921-3 / Heraldo Novaes / CPF 185.235.601-49 ). De forma alternativa, quem tiver interesse pode também dar um vale gasolina ou ajudar a custear a viagem de outra forma. Nair deixou claro que a ajuda é direcionada especificamente para o deslocamento e a alimentação nos dias de consultas. “Algumas pessoas podem pensar que estamos precisando de alimentos e roupas, mas graças a Deus não é o caso, nesse momento é apenas a questão de deslocamento mesmo”, resumiu Nair.

Belinha estuda no Caic Albert Eistein de Santa Maria, mas devido ao acidente não poderá retornar às aulas no início do ano. “No momento minha rotina é basicamente dormir até tarde e ficar nas redes sociais, através do meu celular”, brincou. A mãe logo explicou que mesmo sem poder ir à escola, ela não perderá o conteúdo, pois Nair pegará o material na escola e Belinha estudará em casa até poder voltar a frequentar as aulas.

MAIS INFORMAÇÕES
Para mais informações e confirmações entre em contato pelo telefone 61 99395.4359 (whatsapp), falar com Nair, mãe de Belinha.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Oportunidade_de_emprego