14/10/2020 às 14h46min - Atualizada em 14/10/2020 às 14h46min

“Se a polícia não chega, teria matado mais gente”, diz PM sobre triplo homicídio no Entorno

Após surto psicótico que resultou no assassinato de avó, tia e sobrinho, suspeito tentou contra a vida de vizinhos. Pai e criança escaparam

Após executar três membros da própria família, um homem em surto psicótico tentou matar outras pessoas, em Santo Antônio do DescobertoEntorno do DF. O caso ocorreu nessa terça-feira (13/10) e a chegada da polícia, após a denúncia anônima dos moradores próximos ao local, evitou que uma tragédia maior acontecesse.

“Se a polícia não chega, teria morrido mais gente”, afirmou o Major Ygor Morais, do Batalhão Rural da Polícia Militar do Goiás (PMGO) e um dos primeiros a chegar na cena do crime. “Ele estava dentro da casa com os corpos e uma espingarda com muita munição, atirando para todo o lado”, comenta o oficial.

1

Após negociação, Golden Nascimento Xavier, de 37 anos, se rendeu e acabou preso em flagrante por duplo feminicídio e homicídio doloso qualificado pelo emprego de meio cruel. Simiana Francisca Xavier, 74 anos, Maria de Lourdes Xavier, 51, e Pedro Henrique, 7, avó, tia e sobrinho do suspeito, respectivamente, foram encontrados mortos na residência, com marcas de facadas.

De acordo com a Polícia Militar do estado, o pai, em depoimento, afirmou que haviam acabado de retornar de uma consulta psicológica de Golden, e uma nova já estava marcada para essa quinta-feira (14/10). Às autoridades, o genitor disse que conseguiu escapar do surto do filho, que chegou a atacar outros parentes que moram em outras casas no mesmo imóvel. Além dele, uma outra criança, de 5 anos, que brincava com a vítima Pedro Henrique, também conseguiu sobreviver.

Agora, o acusado aguarda, sob custódia da Polícia Civil do Goiás, laudo psiquiátrico para ser definido como vai ser responsabilizado pelos crimes cometidos.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »